Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO



Quarta-feira, 25.05.16

GD ESTORIL PRAIA 2015/16

O Estoril terminou a Liga NOS no oitavo posto e até chegou a imiscuir-se na corrida pela Liga Europa, mas a temporada foi, grosso modo, difícil. À 16.º jornada os canarinhos ocupavam o 14.º lugar, não venciam há dez partidas e sofriam golos há onze, numa sequência que tornou irrelevante o bom arranque, no qual o Estoril somou quatro vitórias nas seis primeiras jornadas; era quinto classificado nessa altura.

A segunda volta trouxe melhorias. O Estoril não só marcou golos em todos os jogos desde a jornada 22 até ao fim, como também venceu sete desses 13 jogos. Setúbal (3-0), Rio Ave (1-3), Académica (0-3) e Paços de Ferreira (1-0) caíram aos pés dos homens da Linha. O Estoril poderia mesmo ter-se apurado para a Liga Europa, cenário improvável durante a primeira volta, mas na última jornada, no terreno de um Belenenses já com a vida resolvida, saíram derrotados por 2-1.

O treinador Fabiano Soares resistiu a tudo. Não só àquela má fase a meio da época, mas também à eliminação da Taça da Liga perante o secundário Oriental (3-2), logo na segunda eliminatória. Na Taça de Portugal os canarinhos avançaram até aos quartos-de-final, onde o Rio Ave foi mais forte, vencendo por claros 3-0.

Léo Bonatini esteve de pé quente ao longo de toda a temporada, facturando 17 golos na Liga NOS, incluindo um hat-trick frente ao Setúbal na jornada 24. O avançado brasileiro marcou ainda um golo na Taça da Liga e mais dois na Taça de Portugal, que foram decisivos para ultrapassar a 3.ª eliminatória e os oitavos-de-final. O defesa Anderson Luís, que nunca tinha marcado qualquer golo na carreira, fez dois na Liga NOS, diante de Belenenses e Moreirense. Kieszek cotou-se mais uma vez como um guarda-redes seguro, numa equipa em que Mattheus (4 golos), Mendy (3), Diogo Amado e Diego Carlos (2 cada) também se destacaram.

 

Contas finais

Campeonato: 8.º lugar, com 13v, 8e, 13d, 40gm, 41gs, 47 pts

Taça de Portugal: eliminado nos quartos-de-final (Rio Ave, 3-0)

Taça da Liga: afastado na 2.ª eliminatória (Oriental, 3-2)

Para mais tarde recordar

07.03.2016, jornada 25 – vitória em Vila do Conde por 1-3; primeira vez que o Estoril marcou três golos ao Rio Ave na I Liga.

 

Para esquecer

10.04.2016, jornada 29 – ao perder por 4-1, o Estoril mantém-se sem vencer na Choupana em jogos da I Liga;

14.05.2016, jornada 34 – Estoril perde em casa do Belenenses (2-1). Além de não vencer no Restelo desde 1979/80, a derrota impediu os canarinhos de garantir lugar na próxima Liga Europa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 13:30




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2016

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031