Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO



Quinta-feira, 09.01.14

Retrospectiva Qualificação Mundial 2014 - PARTE IV - PLAY-OFF EUROPEU

sapodesporto

Grécia 3-1 Roménia / Roménia 1-1 Grécia

Ambas as selecções estavam pela segunda vez num play-off de Mundial. E o destino repetiu-se para as duas.

Há quatro anos os gregos venceram a Ucrânia com um golo solitário de Salpigidis em Donetsk; desta vez a vitória helénica foi mais folgada. Já a Roménia, que tinha perdido o play-off para 2002 então diante da surpreendente Eslovénia, voltou a não ter argumentos para ultrapassar esta fase.

No jogo de Atenas a Roménia respondeu ao golo de Mitroglou (14’), empatando por Stancu aos 19’, mas a Grécia não lhes deu tempo para festejar. No minuto seguinte Salpigidis recolocou a equipa da casa na dianteira, com Mitroglou a bisar já na segunda parte (66’).

A eliminatória ficou fora de questão na segunda mão com mais um golo do ponta-de-lança grego nascido na Alemanha, a meio da primeira parte. O autogolo de Torosidis que daria o empate à Roménia (55’) de pouco adiantou.

 

Ucrânia 2-0 França / França 3-0 Ucrânia

Durante quatro dias esteve no ar a ideia de que a França finalmente ia pagar a factura da forma pouco idónea como se tinha qualificado para a África do Sul, nesta mesma fase da competição. A Ucrânia, embalada pelo forte apoio do seu público, arrancou para uma exibição convincente, ainda que o resultado se tenha fixado com um golo aos repelões e uma grande penalidade, ambos na segunda parte.

No jogo de retorno, a França foi ao fundo de si e sufocou a equipa de leste como pôde, empatando a eliminatória no decorrer da primeira parte, por Sakho (22’) e Benzema (34’). A um golo da glória, foi preciso esperar pelo minuto 72 para a explosão de alegria, na forma de um bis de Sakho, um defesa.

A Ucrânia sairá com razões de queixa de um dos golos franceses, obtido em fora-de-jogo, mas resigna-se à sua sina de nunca ter vencido num play-off mundialista – derrotas com Croácia em 1997, Alemanha em 2001 e Grécia em 2009.

 

Portugal 1-0 Suécia / Suécia 2-3 Portugal

Houve quem dissesse que se tratava de um Portugal-Suécia e não de um Cristiano Ronaldo- Zlatan Ibrahimović. Mas só eles fizeram os golos da eliminatória.

Na Luz o jogo foi de nervos, com a Suécia a procurar jogar pela certa e manter a posse de bola o máximo de tempo possível. Com os caminhos para a área nórdica bem tapados, só a oito minutos do fim a muralha quebrou, com Ronaldo a facturar de cabeça.

A segunda mão entrou directamente para a galeria de clássicos. Duas reviravoltas, todos os adeptos de coração nas mãos e unhas entre dentes, e os dois jogadores mais dotados de cada conjunto em alta rotação.

Ronaldo abriu as hostilidades aos 50 minutos, mas a Suécia reagiria. Ibrahimović, de cabeça após um canto (68’), e depois de livre directo (72’) incendiou a novíssima Friends Arena e deixou a Suécia a um golo do apuramento.

Portugal tremeu, mas não caiu. Ronaldo, com dois golos à sua imagem de concentração, força, velocidade e sentido de baliza (77’ e 79’), após passes magistrais, completou o hat-trick e reservou viagem para o Brasil.

Doloroso para quem perde. Mas é por jogos destes que existe play-off para o Mundial. E desta vez o jogo de cartaz correspondeu às expectativas.

 

Islândia 0-0 Croácia / Croácia 2-0 Islândia

Esta era a eliminatória menos cotada de entre as quatro. Em Riquejavique não houve golos, e os homens da casa tiveram que jogar 40 minutos com menos um homem, mas conseguiram deixar tudo em aberto para a segunda mão.

Aí, foi a Croácia quem ficou com menos um jogador, por expulsão de Mandžukić, onze minutos depois de ter aberto o marcador (27’). A perder, os islandeses não conseguiram dar continuidade ao sonho, e sofreriam o segundo e decisivo golo logo a abrir a segunda parte, por Srna.

No final, Šimunić, o homem da entrada assassina, entoou ao microfone um cântico nacionalista fascista do tempo da II Grande Guerra ao celebrar a vitória, e viria ser suspenso por dez jogos. Adeus fase final…

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 12:13




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031