Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Segunda-feira, 12.08.13

A pré-época - Balanço

 

O Sporting fez ontem o último dos jogos de preparação para época 2013/2014. Neste último mês foram notórias as diferenças entre esta equipa e uma outra que jogou com as mesmas cores na época passada. Aliás, arrisco a dizer que qualquer semelhança entre as duas é pura coincidência... 

Tenho dito às pessoas que me rodeiam, que há apenas uma contratação que não pode falhar este ano: o treinador. E até agora o trabalho realizado tem-se sentido de uma forma muito positiva. Nota-se um grupo concentrado, com vontade de interpretar em campo as ideias do treinador, praticando um futebol de processos mais simples, mais rápido, ao primeiro toque. E com esta nova filosofia, este novo modelo de jogo parece-me que há interpretes mais talhados para o executar do que outros. Assim sendo não me chocará se na próxima semana Wilson Eduardo for titular em vez de Diego Capel. E Carrillo comece no banco também. Que Gerson Magrão pegue de estaca no onze, em especial se mantiver esta atitude competitiva. E que William Carvalho jogue no miolo, com ou sem Rinaudo.
Montero parte em vantagem para jogar na frente de ataque, sobretudo por ter mais tempo de treino. Slimani é o avançado com as características que o Sporting precisava há muito tempo, mas resta saber se a adaptação ao futebol português será rápida, e se ao bom porte físico se juntam os atributos técnicos para não ser mais um "purovic" desta vida.

Na defesa moram as maiores incógnitas. Na direita Cédric Soares procura a época de afirmação, mas terá de mostrar muito mais. Welder não comprometeu  na pré-época mas é cedo para dizer que será uma alternativa viável à posição de defesa direito. Na esquerda Jefferson será a primeira opção (parece que Evaldo será bem encaminhado para outras paragens...), tenho como sombra a adaptação de Rojo ou um dos defesas da equipa B (Mica ou King). No meio há que lamentar a falta de propostas para a venda de Rojo, claramente o jogador mais sobrevalorizado do plantel, com uma especial apetência para comprometer e pôr a defesa em apuros. Apesar disso espera-se que seja titular...
Dos restantes candidatos ao centro da defesa, confesso que fiquei impressionado com a pré-época tranquila de Maurício, que cumpriu com eficácia e alguma classe o seu papel. Eric Dier pela sua estatura e entrega, parece-me que terá lugar de caras nesta equipa assim que estiver a 100%. Tiago Ilori é uma carta fora do baralho (pelo menos por enquanto) e todos os outros centrais deverão ser opções regulares na equipa B, sendo chamados à A quando necessário.

No meio campo surpreendeu o ritmo competitivo de Adrien Silva nesta pré-época. Absolutamente irreconhecível! E o supracitado William Carvalho. André Martins tem assumido um papel importante no meio campo e deverá ser opção regular para Jardim. André Santos e Chaby partirão em desvantagem, embora também não tenham comprometido neste último mês.

Na frente de ataque tenho pena que esta não seja a época de afirmação de Labyad, um talento demasiado bem pago para o seu próprio bem. Cissé partirá em desvantagem em relação a Montero & Slimani, mas pode ser que consiga somar minutos ao longo da época. E como dito no ínicio do post, o estilo rápido e simples do futebol de Jardim perde gás no individualismo de Capel e Carrillo. Apesar do espanhol continuar a ser um dos favoritos das bancadas, será necessária uma evolução do seu jogo colectivo para poder dar à equipa aquilo que ela precisa. O mesmo com Carrillo, que a pesar de ter marcado um golo ontem, com a sua habitual displicência perdeu demasiadas bolas na frente de ataque. 

Faltou apenas falar na situação da baliza, que ficará sempre bem entregue quer Rui Patrício fique ou saia.  

 

Depois de uma época miserável a todos os níveis (em especial em termos exibicionais), o Sporting acabou a pré-temporada com indicadores positivos, mostrando que será capaz de se apresentar em muito melhores condições do que há meses atrás. Daqui a algumas semanas será fácil criticar se tudo correr mal, mas agora, antes dos jogos oficiais, parece-me que o Sporting, com a matéria-prima da academia e uma série de contratações de baixo custo, montou uma equipa capaz de brindar o seu público com bom futebol e apresentar resultados positivos caso a sorte e as habituais condicionantes que persistem no futebol português assim o permitirem. Sinal mais para a equipa técnica (ao que parece, alguns destes reforços low-cost estavam debaixo de olho há algum tempo) e para a equipa directiva. Segue-se o Arouca, desta vez a doer, no regresso das matinés a Alvalade.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Kirovski às 18:30



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2013

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031