Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Domingo, 15.09.13

Olhanense 0 - Sporting 2 - Não perder o ritmo

Depois de uma paragem para os jogos da selecção o campeonato recomeçou no Estádio do Algarve, esse grande elefante branco, terna lembrança do tempo das vacas gordas em Portugal. Com menos de metade da sua capacidade preenchida, mas ainda assim com uma boa moldura humana (composta sobretudo por Sportinguistas), este estádio foi palco de um jogo bem disputado, entre duas equipas em construção. Confesso que fiquei surpreendido com a boa resposta do Olhanense, que apesar de uma equipa composta maioritariamente por jogadores estrangeiros (o que é de lamentar) apresentou uma grande atitude competitiva e vendeu cara a derrota. O Sporting apresentou-se sem novidades de maior, deixando apenas Rojo de fora por lesão e apresentando Dier no centro da defesa. O inglês cumpriu e rubricou uma exibição tranquila, apesar de alguns calafrios que a defesa do Sporting sofreu durante a partida. Este jogo acabou por ser uma mistura de azar e sorte... azar nas várias oportunidades desperdiçadas na primeira parte (com bons momentos de futebol, quando a equipa se conseguia libertar do colete de forças aplicado pela Olhanense) e sorte no momento em que se colocou em vantagem (desta vez beneficiado por um erro do arbitro auxiliar) e não sofreu golos (em virtude da perdida clamorosa da Olhanense na segunda parte). Creio que o triunfo se justifica plenamente, tendo a equipa do Sporting lutado mais do que o suficiente para trazer os 3 pontos do Algarve. A parte final do jogo teve já pouca intensidade (alguns dos jogadores nucleares tinham estado ao serviço da selecção na semana anterior), mas com o resultado resolvido, ninguém se pode queixar. Uma nota final para a estreia de Vítor, que não veio acrescentar nada ao jogo, mas que mostra que Gerson Magrão perdeu o seu espaço no plantel.
 

A equipa não esteve particularmente inspirada, mas alguns jogadores destacaram-se a espaços. Destaco as exibições de Jefferson (muito regular neste inicio de época, combinou muito bem com Capel nas subidas ao ataque), Adrien Silva (lutou enquanto teve físico), Montero (mais um golo num jogo com poucas oportunidades), André Martins (um golo e uma assistência, num jogo onde nem tudo lhe correu bem), Wilson Eduardo (uma assistência, apesar de ter andado alheado do jogo em alguns momentos).
 

Em alguns momentos houve mais luta do que recorte técnico, muitos passes falhados, alguns erros posicionais, mas no futebol também é preciso haver uma ponta de sorte. A equipa continua em crescimento e é normal que os erros continuem, esperemos que surjam em muito menor quantidade à medida que o tempo for passando. Na próxima semana segue-se o Rio Ave, uma equipa que tem vindo a perder gás, mas que virá com grande vontade de ultrapassar a série de maus resultados. Será um desafio já de média dificuldade para esta equipa do Sporting. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Kirovski às 21:17



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2013

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930