Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Quinta-feira, 06.02.14

Taça de Portugal - FC Porto 2-1 GD Estoril-Praia - A ferros

sapodesporto

O FC Porto está nas meias-finais da Taça de Portugal mercê de um triunfo apertado frente a um Estoril a quem terá faltado um pouco de ambição para causar mais um dissabor na periclitante carreira portista desta época.

O herói da partida foi Ghilas, que finalmente marcou um golo com a camisola do FC Porto. O argelino fixou o resultado final após quatro minutos em campo, quando faltavam escassos três para os descontos.

Antes disso foi o Estoril quem esboçou os primeiros sorrisos, graças a um chapéu de Babanco, aos 27 minutos. Nessa fase o FC Porto ainda não tinha efectuado qualquer remate à baliza, o que diz bem da instabilidade que tem marcado a época do Porto.

Os canarinhos estavam mais tranquilos que os dragões e mostraram-no durante praticamente toda a primeira parte. Até que num lance confuso Quaresma fez o empate, em cima do intervalo.

Esse golo terá mudado a abordagem estorilista ao jogo, já que na segunda parte a equipa baixou o bloco, perdendo, consequentemente, a fluidez que tem marcado o seu futebol desde a época passada.

Com mais espaço e mais bola, o FC Porto passou a explorar melhor o ataque, ainda que sem grandes momentos de perigo. Repetiram-se os cruzamentos por alto, que atingiram o cúmulo numa jogada em que três vagas de cruzamentos não foram suficientes para que houvesse um remate. Até que um desses movimentos, por Alex Sandro, resultaria no tal golo de Ghilas.

O Estoril não matou o jogo enquanto pôde, e acabou por pagar a factura quando já não havia grande tempo para uma reacção. Apesar da vitória, a exibição não agradou aos poucos que se deslocaram ao estádio. Nem aos portistas que viram pela televisão. Ainda se desconhece se haverá remédio para esta maleita.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 12:39

Domingo, 02.02.14

CS Marítimo 1-0 FC Porto - Foi-se o coração, ficou a pouca cabeça

sapodesporto

No jogo da Taça da Liga o FC Porto teve pouca cabeça mas muito coração, e acabou por conseguir a vitória; neste segundo round entre dragões e verde-rubros apenas houve pouca cabeça, e o resultado ficou bem à vista.

As visitas do FC Porto à pérola do Atlântico, nomeadamente aos Barreiros,são tradicionalmente difíceis, mas em poucas dessas tardes/noites menos conseguidas se terá visto um Porto tão à deriva como neste jogo.

Não queria repetir o que escrevi na análise ao recente jogo na Luz, mas a verdade é que voltaram a multiplicar-se os passes sem nexo, em mais uma prestação colectiva que pouco ou nada teve de positivo.

Tempo para recuperar o resultado não faltou, já que o golo maritimista apareceu logo aos 13 minutos, numa grande penalidade convertida por Derley – não confundir com o Ninja; este quando muito teria que ser Nynja. Mas quando as notas principais da exibição portista são os erros e as hesitações, nem esta nem nenhuma equipa conseguiria um resultado decente, mesmo com o adversário longe de fazer um jogo excepcional, e gradualmente mais interessado em ir passando o tempo.

A semana de fecho do mercado de transferências foi agitada para os azuis-e-brancos, mesmo sem grandes movimentações. Lucho González saiu do clube no dia do primeiro jogo com o Marítimo, e soube-se praticamente a par deste jogo que Abdoulaye está de regresso ao Dragão, indicando que Otamendi estará também de saída. Além disso, a não-renovação de Fernando ajuda a adensar a incerteza sobre a sua continuidade.

Talvez a dúvida sobre quem estará cá para o ano esteja a influenciar negativamente o plantel ao ponto de poucos jogadores se conseguirem concentrar nos jogos; talvez seja o Mundial que está a tolher o pensamento dos atletas; talvez seja apenas um ano menos bom. Mas os tiros no pé repetem-se. Por hoje, o empate do Benfica em Barcelos no jogo seguinte a este acaba por amenizar as consequências da derrota.

Só depois do Benfica-Sporting da próxima jornada se verá com mais clareza a falta que estes pontos fazem ao FC Porto. Antes disso há jogo para a Taça de Portugal diante do perigoso Estoril, na quarta-feira.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 12:58

Pág. 2/2




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Fevereiro 2014

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
232425262728