Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Terça-feira, 24.06.14

Mundial 2014 - Jogos de 23 Junho

sapodesporto

GRUPO B – Arena da Baixada, Curitiba

AUSTRÁLIA        0

ESPANHA           3 (Villa 36’, Torres 69’, Mata 82’)

A Espanha limpou a face, e sai do Mundial com a honra possível, após bater a também já eliminada Austrália. O jogo serviu então para cumprir calendário, e a roja ultrapassou sem problemas uma formação antípoda que procurou repetir o que fizera, a espaços, diante da Holanda, mas que sem Cahill, ausente por castigo, viu a Espanha ser um obstáculo demasiado difícil de transpor.

Vicente del Bosque optou por dar minutos a outros elementos do plantel, que corresponderam, com David Villa a abrir o activo com um toque de calcanhar.

Ambas as equipas vão para casa. A Espanha não era eliminada tão cedo desde o Euro 2004; em Mundiais, desde 1998.

 

GRUPO B – Arena de São Paulo, São Paulo

HOLANDA          2 (Fer 77’, Depay 90’+2’)

CHILE                0

Já com o apuramento garantido, Holanda e Chile discutiam o primeiro lugar do grupo. A partida foi, acima de tudo, calma, entre duas equipas que não queriam arriscar perder unidades para o jogo seguinte, onde cada erro se pagará caro.

A batalha táctica só teve solução com as mexidas de van Gaal, uma vez que seriam os suplentes Fer e Depay a encontrar o caminho do golo, e a permitir aos laranjas fazer o pleno.

 

GRUPO A – Estádio Nacional, Brasília

CAMARÕES        1 (Matip 26’)

BRASIL              4 (Neymar 17’, Neymar 35’, Fred 49’, Fernandinho 84’)

O Brasil garantiu o primeiro lugar do grupo ao golear os Camarões, mas não se livrou de um susto, na forma do golo do empate de Matip.

A turma africana, que realizou um Mundial para esquecer, não quis despedir-se sem deixar a sua marca, mas o bis de Neymar, aliado ao golo de Fred a abrir a segunda parte, deixou o Brasil com o jogo na mão. Sem mais sobressaltos, o escrete ainda chegou ao quarto golo, quando os Camarões já não tinham grande ânimo.

O Brasil vai agora defrontar o Chile, tal como há quatro anos.

 

GRUPO A – Arena Pernambuco, Recife

CROÁCIA             1 (Perišić 87’)

MÉXICO               3 (Márquez 72’, Guardado 75’, Javier Hernández 82’)

O jogo valia a passagem à fase seguinte, ainda que ao México o empate pudesse ser suficiente.

Ciente da necessidade de vencer, a Croácia alterou o esquema táctico, mas esbarrou no sólido 3-5-2 mexicano, que resguardou bem a sua baliza.

O jogo abriu-se quando a Croácia forçou o ataque com a entrada de Kovačić. Foi a deixa para a tri aproveitar, e de que maneira, reduzindo a Croácia a cinzas com três golos em dez minutos. Os croatas ainda fizeram o golo de honra, mas é o México que segue em frente, pela sexta vez consecutiva, para encontrar a Holanda. Fantástico, depois de uma fase de apuramento pouco conseguida.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 12:00



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2014

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930