Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Sexta-feira, 23.01.15

Panorama para a segunda volta da I Liga

Com meio campeonato decorrido, é hora de ir à bola de cristal. Ou lançar os búzios. Ou ler a sina. O que quiserem.

 

Título

Benfica e FC Porto deverão discutir o ceptro até final. Tudo vai depender dos pontos que cada um deixe escapar, e disso depende também o Sporting para se poder imiscuir numa luta que parece reservada a dois emblemas.

 

Europa

Dez pontos atrás do primeiro, o Sporting vem em crescendo, mas tem muitos pontos para recuperar. Caso fique pelo acesso à pré-eliminatória da Liga dos Campeões não pode baixar a guarda, pois de momento tem o Guimarães a segui-lo de perto.

O Braga chegou a assumir interesse em chegar à Liga dos Campeões, no entanto a derrota caseira com o Sporting pode ser um indicador de que o terceiro lugar seja um passo maior que a perna.

 

Época tranquila

O surpreendente Moreirense precisa apenas de um oitavo lugar para ter a sua melhor prestação de sempre na divisão maior, e segue bem encaminhado para o conseguir.

O Estoril teve um arranque terrível, com uma vitória nos primeiros oito jogos, mas de então para cá só perdeu em Alvalade. Face aos pontos desperdiçados talvez seja demasiado optimista colocar os canarinhos na luta pela Europa, mas quem sabe…

Também o Nacional começou mal, mas aos poucos deverá aproximar-se do confortável meio da tabela.

 

Luta pela manutenção

A eterna batalha pela permanência dá indicações de vir a ser fatal para Gil Vicente e Penafiel. Os gilistas demoraram 16 jornadas a conseguir a primeira vitória, que ainda é a única, enquanto os durienses terminam a primeira volta com a pior defesa. Usualmente é prenúncio do pior.

No entanto, as recuperações acontecem, muitas vezes por quem menos se espera, e caso se verifiquem, os candidatos a cair no fosso são Arouca, Setúbal e Académica.

 

Incógnitas

Guimarães: está a fazer uma época notável, mas terá que pesar os prós e contras – leia-se despesas versus receitas – de uma participação europeia. Terá interesse em manter-se nos lugares que ocupou desde o início?

Belenenses e Rio Ave: estão interessados em chegar à Europa – o Rio Ave ainda tem a Taça de Portugal – mas têm tido altos e baixos no campeonato, e pontos para recuperar caso queiram mesmo o quinto lugar. Terão estofo para tal?

Paços de Ferreira: continua perto do sexto lugar, mas a forma recente não é das melhores. Vai recuperar, ou cairá ainda mais na classificação?

Marítimo: começou bem mas tem vindo a perder gás. Continuará tranquilo a meio da classificação ou ver-se-á envolvido na luta pela permanência?

Boavista: mesmo com todas as adversidades inerentes a uma equipa que estava dois escalões abaixo e foi readmitida, os axadrezados derrotaram todos os cinco clubes que seguem abaixo de si na classificação. É crível que com maior ou menor dificuldade sobrevivam, mas há um factor de risco: na segunda volta deslocam-se a casa de quatro desses cinco clubes, bem como Luz e Alvalade.

 

Ter em conta que…

… dependendo de quem vencer a Taça de Portugal, pode abrir-se uma vaga para a Liga Europa via sexto lugar do campeonato. E aí até o actual 10.º classificado (Estoril) entra nas contas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 12:00



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2015

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031