Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CORTE LIMPO

Todas as fotografias neste blog encontram-se algures em desporto.sapo.pt, salvo indicação em contrário



Domingo, 05.10.14

I Liga, 7.ª jornada – FC Porto 2-1 SC Braga – Suspiro de alívio

Três jogos depois, os dragões voltaram aos triunfos, derrotando um Braga que recordou as gloriosas campanhas da viragem da década e deu muito trabalho ao FC Porto.

Num bom jogo de futebol, o FC Porto foi o primeiro a marcar, por Bruno Martins Indi (24’), mas a vantagem não duraria mais que oito minutos, uma vez que o Braga não se rendeu, e não foram poucas as vezes que apareceu com perigo junto da baliza de Fabiano.

No entanto, e tal como no jogo com o Shakhtar, o Braga só chegaria ao golo numa oferta do FC Porto. Sob pressão, Brahimi atrasou a bola de qualquer maneira na direcção de Martins Indi. Farejando o erro, o bracarense Zé Luís antecipou-se, tirou o holandês do caminho e rematou para o empate, com a bola ainda a desviar levemente na passada de Maicon, que nada pôde fazer.

Durante largos minutos pairou no Dragão o espectro de novo empate, já que nenhuma equipa subjugou a outra, apesar da muita entrega e vontade demonstrada pelos jogadores. O coelho sairia da cartola de Quintero, um dos melhores em campo, que mesmo apertado pelos centrais contrários atirou a contar, à entrada para os últimos vinte minutos.

Os arsenalistas lutaram até final, e acabaram o jogo a reclamar de uma decisão de Pedro Proença, que entendeu não haver motivos para assinalar castigo máximo num lance entre Martins Indi e Pedro Santos.

A vitória é saborosa para o FC Porto. Além do alívio de ter quebrado uma sequência menos boa de resultados, foi conseguida num encontro em que a dificuldade do mesmo valoriza os três pontos somados. Contudo, por muito bom que o resultado seja, mais não faz que manter o FC Porto quatro pontos atrás do Benfica, que à mesma hora recebeu e venceu o Arouca.

Enquanto o líder não deslizar é de vital importância que o FC Porto não desarme na perseguição. Quem pagaria – ou pagará – em caso de nova escorregadela é Julen Lopetegui. No fundo, o basco é um novato no futebol português, e com as memórias de 2013/14 ainda frescas na memória colectiva portista, não será preciso muito para o técnico ser acusado de tudo e mais alguma coisa.

O próximo jogo do FC Porto é só, possivelmente, no dia 17 de Outubro. É para a Taça de Portugal e o adversário chama-se Sporting. Teste sério a dias da recepção ao Athletic para a Liga dos Campeões.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Miran Pavlin às 22:30




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Outubro 2014

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031